[FP] Heather, Piázon Francesca

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Heather, Piázon Francesca

Mensagem por Francesca P. Heather em Qui Jul 16, 2015 10:39 pm

Francesca Piázon Heather
Cura |17| Italia | Pacific | Pansexual
O amor pode acabar com uma guerra… Ou começá-la
personality


Francesca é uma garota delicada, doce e com carinha de anjo, não é do tipo que arruma confusão, muito menos brigas ou intrigas, prefere levar a vida sem momentos ruins, tendo pensamentos positivos para todas as situações que se encontra, mas a loira simplesmente não consegue se manter afastada disso, suas vontades falam mais alto e no fim arruma uma grande confusão por onde passa.

Não se arrepende de suas escolhas, pelo contrario, ela sabe o que é certo e errado, mas acima de tudo procura se satisfazer antes de pensar nas consequências, talvez por isso as pessoas ou a amam ou a odeiam, ela prefere o amor, mas sabe ser vingativa, não deixe se enganar pela sua inocência, a única vitima da historia é você.

Apesar de tudo ela se sente livre, leve e solta, tem uma boa relação com as pessoas, é comunicativa, esperta e quando quer sexy, Frances teve experiências de vida únicas e que ela leva na memória, assim como ela cura, machuca, portanto, não queira ser um brinquedinho em suas mãos, porque ela não só pode como vai pisar em você... A menos que você torne-se o seu dono, Francesca sabe seguir ordens quando há boas recompensas.  
life story


Nunca teve problemas com a família, com os amigos, vizinhos e nem ninguém, Francesca sempre foi uma menina querida, educada e gentil, rodeada de familiares e amigos, tendo até um pastor alemão como mascote. Desde muito novinha ela descobriu seus poderes ao sem querer ter curado um coleguinha que havia machucado o joelho e como as noticias correm em instantes a cidadezinha em que vivia ficou sabendo e desejou conhece-la.

Seu pai era um bom homem, professor de literatura na escola local, ele trabalhava duro e dava aulas particulares para as crianças da cidade e da cidade vizinha para aumentar a renda, enquanto sua mãe era uma dona de casa que lhe ajudava não só com as tarefas escolares, mas também a desenvolver seus poderes, sua mãe sempre lhe dizia que ela era um presente de Deus, um anjo que veio a terra trazer salvação e assim ela acreditava, sempre sorrindo encantada com essas palavras.

Um dia em questão sua mãe precisou ir as pressas para o hospital, foram dias e dias difíceis para Francesca e seu pai, sua mãe a cada dia perdia o brilho, perdia a vida e Francesca não conseguia cura-la, havia cuidado de ferimentos, queimaduras e até pontos, havia curado gripes, resfriados, alergias, até mesmo doenças um pouco mais sérias... Mas sua mãe tinha câncer e isso era algo que ela não conseguia curar, um câncer pulmonar que parecia come-la viva de dentro para fora.

Os médicos diziam que o que Francesca fazia ajudava, pois a cada quimioterapia ela amenizava os efeitos colaterais, mantinha os anticorpos presentes... Mas não foi o suficiente e numa bela manhã a noticia por telefone, sua mãe havia falecido na madrugada.

Seu pai que antes triste agora tinha raiva, ele não só revirava os moveis como os quebrava e numa tentativa de acalma-lo Francesca acabou apanhando, um tapa certeiro em seu rosto que teria machucado se ela não conseguisse se curar. Palavras de ódio eram dirigidas a ela, seu pai a culpava pelo que havia acontecido, ele dizia que ela não quis de verdade aquilo, ele dizia que a vontade dela era que a mãe estivesse morta e por isso a loira nunca havia conseguido curar ela.

Em choro Francesca tentava se explicar, ela dizia que havia feito o seu melhor, que era o que ela mais desejava, mas o seu pai não acreditava e avançava sobre ela enquanto ela se afastava, até que o mesmo a perseguiu com um pedaço de vidro em mãos, um pedaço de um quadro onde havia uma fotografia dos três, com esse mesmo pedaço ele tentava corta-la como um castigo pelo que fez e Frances corria para o quintal, chamando por socorro, pedindo por ajuda.

Ali no quintal havia uma ajuda a menina, seu cão poderia entrar em ação e assim fez ao ver seu pai lhe atacar, o cachorro pulo no mesmo avançando com mordidas, derrubando o homem ao chão, fazendo com que ele perdesse sua “arma” e usasse suas mãos para se defender. Frances correu e pegou o pedaço de vidro, gritando para o cão se afastar e ele obedecia, deixando o pai da loira livre para se levantar ainda mais raivoso.

Em meio a tanta confusão os vizinhos iam aparecendo, mas eles apareciam na hora errada, quando o pai de Frances aproximou-se dela na intenção de atacar ela usou seu reflexo e esse reflexo foi certeiro com o vidro rasgando sua garganta, fazendo-o cair ali a sua frente, sujando não só ela como todo o espaço de sangue.

Todos chocados se silenciaram, a menina ajoelhada no chão observava o que tinha feito, não conseguindo falar, se mover e nem chorar, estava em completo choque e quando deu por si seus vizinhos a empurravam no corpo lhe dando ordens, mandando ela o curar, mandando ela fazer algo, mas a pressão era tanto que ela não conseguia e o choro aos poucos foi saindo sobre o corpo do homem que um dia chamou de pai, um corpo agora sem vida, um corpo que lhe dava o passe livre só de ida para a prisão.
delict

Matou o pai com um pedaço de vidro, cortando a sua garganta, sendo acusada de negar a cura.
Nath | 17 | nathaliacastro.

● ● ●

Patience's my enemy,loving's my friend. It's harder to leave with my heart on my sleeve Than to stay and just pretend


Oh, she knows me like I know myself
avatar
Francesca P. Heather
Pacific
Pacific

Mensagens : 23
Data de inscrição : 26/06/2015
Idade : 19
Localização : Nos seus sonhos

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Heather, Piázon Francesca

Mensagem por Anthony Quinzel em Qui Jul 16, 2015 11:54 pm


Aprovado



Sua ficha ficou um amorzinho, apesar do que aconteceu com seu pai. Não encontrei erros e ela é muito bem escrita. Fran parece ser um amor de pessoa, tomara que continue assim e não fique má com o tempo.

Bem-vinda a Oblivion.

● ● ●



─ Now L-O-V-E is just another word I never learned to pronunce...
avatar
Anthony Quinzel
Nurse
Nurse

Mensagens : 74
Data de inscrição : 02/07/2015
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum