[FP] Lancastter, Stephen

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Lancastter, Stephen

Mensagem por Scott Campbell Hellsmitch em Ter Jul 21, 2015 1:25 am

Stephen D. Lancastter
Empatia  | 20 anos | LONDRES  | PACIFIC | Bissexual
I can make you suffer , but I sererei the one to make you delirious with pleasure.
personality
É uma pessoa séria e decisiva, embora ele seja facilmente irritado é bastante temperamental, muitas vezes a uma falha. Ele fica muito chateado por conta da imaturidade e perguntas idiotas de algumas pessoas se irritandando facilmente mesmo não sendo sua intenção. Ele é mais frequentemente irritado com o comportamento de pessoas brincalhonas e que não leva nada a serio, um bom convívio é quase impossível de se criar se aquele que estiver ao seu lado possuir tal personalidade. Seu comportamento agressivo é particularmente visível em situações de caso estremo. Em um ponto, ele confessa que não é maduro o suficiente para se controlar. Apesar disso, por vezes, uma pessoa sensível, apesar de suas tentativas de ser gentil muitas vezes são compensadas por sua agressividade.

Tem seu próprio tempo, seu próprio sonho e jamais esquece para fazer alguém feliz, seja ele por interesse romântico ou não. Nunca revela que está realmente interessado em uma pessoa, se esta a negação sempre estará presente, negando que a admira e a suporta, deixando assim seu lado agressivo tomar conta da personalidade no momento para não admitir o afeto e nem deixar com que essa pessoa se torne intima de mais. Confiante em relação aos seus gostos e desgostos – atraindo geralmente pessoas da mesma mentalidade que este carrega.

Existe primariamente para se fazer feliz – os outros são secundários. Tendo sua própria vida e sua própria pessoa como prioridade. Trata-se como sendo importante, outras pessoas, incluindo mulheres, o verão como alguém vital. Atraindo olhares desejados por partes das mulheres que o vê como um homem decidido e importante. Uma faceta confiante não é apresentada em seu rosto– o que o torna mais interessante e sexy. Em vez disso, ele carrega uma expressão genuinamente relaxada – age da mesma maneira, independentemente de estar sozinho ou dentro de um local lotado.

Um verdadeiro bad-boy sendo honesto acima de tudo com as mulheres. Se ele gosta mesmo de uma pessoa ele demonstrará isso a ela, não deixando com que sua personalidade agressiva torne a mais presente. A maioria das garotas sabe quando um rapaz gosta dela e ele como um bad boy sabe disso e não tem problemas em demonstrar isso à garota não escondendo desde o principio suas verdadeiras intenções.

Mais tarde veio a descobrir seu lado mais "florido", seu interesse por pessoa do mesmo sexo fez com que ele amenizasse um pouco sua personalidade forte.
life story
Filho único Stephen teve tudo do bom e do melhor. Sua família sempre fora rica, dona de várias lojas em todo o pais. O crescimento do garoto foi bastante rígido, apesar de ter tudo aquilo que se pedia, seu pai o criava na risca, mostrando-o o preço de cada coisa que lhe era dada. Stephen pai de Stephen , o colocara nos negócios desde cedo, ele queria que seu filho quando crescesse tomasse conta de tudo que era dele. Porém seu filho à medida que crescia via que aquilo era o que ele não queria.

Sua mãe era diferente de seu pai, ela sempre incentivava-o em seus sonhos, mesmo que isso irritasse seu marido, pois o amor pelo seu filho era maior que o medo que havia pelo seu marido. O casamento de ambos fora arrumado, ambos desfrutavam de um bom nome e o casamento de ambos iriam beneficiar não só suas vidas como o nome de suas famílias.

Stephen cresceu com uma personalidade forte acima de tudo. O convívio com seu pai o fizera reagir as coisas como ele, um verdadeiro bad-boy. Ele se via o centro do mundo e todos ao seu redor estavam ali para servi-lo. As mulheres? Puro objeto para desfrutar e satisfazer seu prazer.

Sua vida porém mudou quando a maldição afetou-o quando menos esperava. Desde jovem ele sentia que era mais empático que as outras pessoas, conseguia perceber emoções e sentimentos vindo destas com maior facilidade. Porém esse dom se transformou em maldição quando ele conseguiu alterar e intensificar essas emoções. Estava junto a um garoto, sua primeira vez que tinha um contato com outro do mesmo sexo, este estava sendo forçado a fazer aquilo, mas ao mesmo tempo que negava a realizar as ações que o rapaz pedia ele tinha desejo por realiza-las. Os toques começaram a ficar mais intensos e Stephen se conectou ao homem como nunca fizera antes. Ele conseguia sentir o prazer que estava concebendo ao homem e com o seu desejo conseguia aumentar esse prazer.

Os minutos de prazer se transformaram em segundos, pois o homem ao seu lado chegará ao extremo em poucos segundos. Stephen sabia que aquilo não era normal, pois ao olhar para baixo ele ainda nem estava excitado, ou o homem tinha algum problema ou Stephen fora o culpado da ejaculação tão precoce. O homem revoltado não quis parar ali. Apesar de ter tido sua melhor ejaculação de toda a sua vida se recusou a deixa-lo ir embora, prendendo-o no galpão abandonado aonde ele marcaram de se encontrar. Stephen conseguiu sentir agora a raiva dentro do homem que aumentava gradativamente, ele fora humilhado. E o ego de um homem era uma coisa com que não se podia brincar. O encontro logo se transformou e perseguição quando o homem a qual estava beijando minutos atrás começou a correr em sua direção com um pau na mão - não, não é o pau que Stephen queria - era um pau de madeira.

Stephen sem pensar pegara rapidamente algo para se defender - uma barra de ferro -. Ele viu o homem se aproximar e sem hesitar lançou-a na direção do mesmo acertando-o na cabeça. O sangue logo começara a escorrer por sua face. O golpe fora forte, mas não suficiente para derruba-lo, pois o mesmo já se levantava com mais raiva do que antes. As emoções e sentimentos do mesmo chegaram até Stephen novamente, mas diferente da primeira vez que aumentara o prazer, desta procurou a dor que o homem sentia e o aumentou até este cair no chão morto. Ele não entendia o que estava acontecendo, só entendia que acabara de matar um homem aumentando a dor em sua cabeça a ponto de seu coração parar.

Antes que Stephen pudesse fazer algo as portas do galpão se abriram e vários homens entraram no mesmo. O jovem pacifico estava ajoelhado no chão com as mãos contra o rosto chorando. Ele não queria ter feito nada daquilo, ele já ouvira sobre as pessoas que tinham maldições e agora teria o mesmo destino que elas, ou pior. Olhando uma ultima vez para o cadáver do homem, sorriu. O homem sentira em um mesmo dia o maior prazer de sua vida e a dor que o levou a óbito. Segundos depois nada viu ou pensou, estava inconsciente.

Foi abrir seus olhos de novo em uma cela. Ele fora capturado.

delict
Por fazer um homem sentir o maior prazer de sua vida em um dia e no mesmo dia proporciona-lo a dor que o levara a óbito - Homicídio.

player | idade | meio de contato
avatar
Scott Campbell Hellsmitch
Pacific
Pacific

Mensagens : 17
Data de inscrição : 21/07/2015

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
30/100  (30/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Lancastter, Stephen

Mensagem por Uriel Kolskiven em Ter Jul 21, 2015 1:49 am


Aprovado



Não encontrei muitos erros em seu texto, além disso, achei ele bem feito. A estrutura e a separação dos parágrafos foi feita de modo correto ao meu ver. Sua personalidade está muito bem descrita, criativa e interessante, mas sua história ficou bastante resumida, porém, de forma criativa. Gostei da forma como tratou os acontecimentos e comentou sobre seu delito.
Bem-vindo a Oblivion.

● ● ●

People help the people!

avatar
Uriel Kolskiven
Pacific
Pacific

Mensagens : 71
Data de inscrição : 13/06/2015
Idade : 24
Localização : Oblivion

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
30/100  (30/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum