[RP] Bitch Better Have My Money 8)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP] Bitch Better Have My Money 8)

Mensagem por Francesca P. Heather em Sab Jul 25, 2015 12:17 am

Está é uma rp fechada e atemporal que acontece entre Francesca P. Heather e Liam Owen McKnight.
Clima: Um dia mais ensolarado, mas com uma brisa gélida. Cerca de 22° graus. 
Horário: Por volta de 16h.
Local: Estufa.




● ● ●

Patience's my enemy,loving's my friend. It's harder to leave with my heart on my sleeve Than to stay and just pretend


Oh, she knows me like I know myself
avatar
Francesca P. Heather
Pacific
Pacific

Mensagens : 23
Data de inscrição : 26/06/2015
Idade : 19
Localização : Nos seus sonhos

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Bitch Better Have My Money 8)

Mensagem por Francesca P. Heather em Sab Jul 25, 2015 4:35 am

But I got a blank space, baby...

Dias de sol eram um pequeno milagre para mim, eu amava sentir o sol acariciar o meu rosto, aquecer ao meu corpo, me revigorar, sendo um dos meus poucos prazeres diários ali, pois nem mesmo comer era agradável naquele lugar.

As celas estavam frias demais, o pátio cheio demais, parece que todos queriam sentir a sensação de liberdade que o sol trazia, mas eu procurava por meu espaço, um lugar onde eu pudesse relaxar e pensar, talvez até me animar um pouco mais, eu precisava de animação, fugir de uma rotina monótona.

Ainda não conhecia muito sobre o Oblivion, mas aos poucos eu ia me familiarizando com o ambiente, conhecia os lugares considerados comuns, os lugares onde as pessoas ali sempre frequentavam, mas hoje eu procurava algo novo, diferente, algo que tivesse um aroma de liberdade, talvez.

Minha colega de cela mexia com plantas, era como  a deusa grega Perséfone, ele criava lindas flores e plantas, era uma ótima companheira, qualquer duvida era para ela quem eu corria e em algumas de nossas conversas ela citou uma estufa, claro que como tudo por aqui ela estava destruída, mas talvez pudesse ser um bom lugar para se conhecer, algo tipo, uma nova aventura.

Com um pouco de dificuldade e segui o caminho que me lembrava, quase arrumando confusão ao virar no corredor errado, mas nada que passos silenciosos não pudessem me salvar, era divertido caçar o espaço, como um pirata atrás de seu tesouro. 

Por fim eu estava onde queria, via o estrago do lugar, sentia o cheiro forte das plantas, mas isso não me incomodava, eu queria continuar a minha “brincadeira”.

Com calma me aproximei do espaço, era cuidadosa para não me machucar, pequenos cortes eu iria conseguir curar, mas os mais profundos não e isso poderia me trazer problemas. De qualquer forma eu não parei, rodeie o espaço todo, analisei pelos buracos de suas janelas quebradas, senti a texturas das plantas que ali tinham, elas assim como eu pareciam querer um poucos dos raios do sol, mas sentir ele diretamente e não através de um vidro sujo.
...And I'll write your name!

● ● ●

Patience's my enemy,loving's my friend. It's harder to leave with my heart on my sleeve Than to stay and just pretend


Oh, she knows me like I know myself
avatar
Francesca P. Heather
Pacific
Pacific

Mensagens : 23
Data de inscrição : 26/06/2015
Idade : 19
Localização : Nos seus sonhos

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Bitch Better Have My Money 8)

Mensagem por Liam Owen McKnight em Sab Jul 25, 2015 5:12 pm

    Era verdadeiramente bom sentir um pouco da sensação de liberdade de volta, sentir o vento bater ao meu rosto. Não tinha muito conhecimento de onde me encontrava, só podia afirmar que era por pouco tempo, não iria abaixar minha cabeça, tinha negocios para tratar longe daquele lugar, e imagino que pensam que vão me conter, prefiro que pensem assim. Tentava encarar aquele lugar como um colonia de ferias, das piores, porem um colonia de Ferias. Já se faziam um semana que me encontrava no local, e uma vez por dia, se não entrasse em nenhuma encrenca, tinha a liberdade de andar pelo local e conhecer de forma ampla, tinha plena consciência de que estava sendo visto aonde quer que eu fosse.
    Sentir a luz do sol em meu rosto era algo que realmente sentia saudade, de lugares abertos, e de não ter nenhum idiota perto de mim. A maioria que entrava naquele lugar tinha medo, todos dormiam com os olhos abertos, eu não mantinha nenhum medo, afinal todos estão ali por uma mesma causa. Comecei a vasculhar o lugar de forma sutil, não tinha a minima ideia de onde estava indo, porem tinha que mapiar o local mentalmente, tinha que conhecer, depois quem sabe sumir dali. Andava por um corredor, via certo tumulto no local, passo reto, mesmo que minha vontade fosse matar um por um, com um morte lenta e sem explicação, tinha saudade do prazer que a morte proporcionava. Em Oblivion éramos separados por grupos, aquele que podemos dizer que foram levadinhos em suas vidas, até serem pegos, os que aceitam a situação, e aquele que se acham melhores que os outros, e aqueles que conhecem a tudo e todos, provavelmente devem haver mais grupos, porem apenas esses tenho conhecimento.
    Continuei a dar meus passos, até sentir com a brisa que entrava no local um forte cheiro de plantas, andei mais rápido sentindo o cheio, quando vejo que a porta do local se encontrava aberta, com toda certeza não era um lugar restrito, pela falta de segurança. Entrei no local e fechei a porta, pude ver uma garota, que se virava pra mim assustada, em seus olhos conseguia sentir o medo que mantinha daquele lugar. - Desculpe, não sabia que tinha alguém ... Aproposito, quem é você ? - podia ser um pouco abuso de minha parte, porem queria saber realmente com quem estava falando, aquele lugar por inteiro despertava apenas insegurança, em tudo. - Meu nome é Liam McKnight ... - disse segurando a mão da moça, que ainda me olhava com certa insegurança, ficava a fitar ela sem nenhuma expressão ao rosto, quando me virei e comecei a analisar o local, parecia ter sido abandonado, e provavelmente algum prisioneiro cuidava das plantas, ao julgar pela forma precária que o local se encontrava.

● ● ●

Don't act like you forgot
It is INCREDIBLE AS SPREADING POISON, NOT EVEN? YOU SHOULD TAKE MORE CARE OF TIME NEXT. THAT THE GAMES begin, MY GIFT TO YOU IS THIS HAPPY DAY TOMORROW MY TRUE WORK BEGINS. ALL THAT LOVES YOU WILL PLUCKED, OR THAT IS THE LAST THING I DO. FEEL THE SMELL OF YOUR FEAR AWAY, AND ONLY THAT Attica EVEN MORE MY WILL FEEL THE TASTE YOUR BLOOD
avatar
Liam Owen McKnight
Prisoner
Prisoner

Mensagens : 5
Data de inscrição : 23/07/2015
Idade : 21
Localização : Erro 404

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Bitch Better Have My Money 8)

Mensagem por Francesca P. Heather em Sab Jul 25, 2015 10:01 pm

But I got a blank space, baby...

Não bastava olhar por fora, eu queria ver como era o espaço dentro e porque havia sido tão “abandonado” daquela forma, tinha tudo para ser um espaço agradável a nós que ali vivíamos, tudo bem que muitos de nós haviam feito coisas erradas, eu mesma fui uma delas, mas ninguém merece uma total isolação do mundo, de diversão, prazer, bons sentimentos, era desumano demais.

Era impressionante como as plantas conseguiam sobreviver a condições como aquelas, talvez Althea tivesse dado uma mãozinha, porque estavam lindas ao contornar as janelas quebradas, passando com suas raízes grossas pelo chão onde haviam cacos, eu estava admirada.

Assustei com os passos que ouvi e olhei para trás curiosa e até um pouco assustada, geralmente ninguém aparecia por ali, por que alguém iria aparecer hoje, justo comigo ali, precisei me acalmar, mas eu ainda tinha receios, haviam pessoas boas e pessoas ruins ali, a questão era, quem ele era?

Ele segurando minha mão foi um alivio, educação e bons modos ele tinha, sem contar que deu certa confiança. Com um sorriso mais acanhado eu o olhei e logo comecei:

- Sou Francesca, Francesca Heather. Mas prefiro Fran... E você pensou certo, não imaginei que teria alguém aqui também. – Com um passo para trás me afastei, apenas por questão de segurança: Imagino que isso seja uma pergunta... Comum. Então... O que você faz? Digo... qual o seu dom? 
...And I'll write your name!

● ● ●

Patience's my enemy,loving's my friend. It's harder to leave with my heart on my sleeve Than to stay and just pretend


Oh, she knows me like I know myself
avatar
Francesca P. Heather
Pacific
Pacific

Mensagens : 23
Data de inscrição : 26/06/2015
Idade : 19
Localização : Nos seus sonhos

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Bitch Better Have My Money 8)

Mensagem por Liam Owen McKnight em Sex Jul 31, 2015 4:15 pm

     Sentia que os batimentos da garota se acalmava, e a pergunta que não queria calar era, qual era o meu dom, simplesmente dizer seria muito chato e não mostraria a ela a dimensão de tal dom, não que quisesse me exibir, não fazia o meu tipo definitivamente, porem falar não é a mesma coisa que ver. Nunca fui adepto a falar que ia fazer as coisas, acho mais pratico fazer e mostrar que você é capaz. Dei um sorriso de canto a garota, meu poderes estavam fraco pela maldita injeção que era obrigado a tomar todos os dias para controlar, porem ainda podia fazer algo bem legal. Coloquei minha mão em direção ao rosto da garota me afastando um pouco. - Não precisa ter medo, é melhor fechar os outros, porem se quiser deixar aberto tudo bem. - E então uma rajada de vento não muito forte, porem gelado fez com que o cabelo da garota esvoaçasse ao vento, era um ar puro, não muito encontrado no ambiente onde estávamos vivendo, então dei um sorriso a garota. - Domino o elemento do ar, tudo que tem ar eu posso controlar ... posso fazer coisas bobas como fiz agora ou até mesmo posso fazer coisas realmente legais. - pisquei para a garota e voltei a analisar o local, então me virei novamente. - E o seu dom, qual é ? - a garota parecia ser tão delicada, admito que não esperava nada de extremamente extraordinário, isso não significaria que não espera-se algo poderoso.
    Após semana estava tendo contato com alguém, era realmente estranho pra mim, naquele lugar parecia que todos passavam tempo demais pensando neles mesmo, do que imaginar que pra que tenham sucesso vai depender de todos trabalharem juntos em um causa que acredito que todos tenham interesse. Me sentia fraco, sabia que se tivesse com meus poderes 100% poderia sair daquele lugar fácil, devastando tudo como um furacão, ou talvez com um. Então voltei a superfície, e lá estava a garota, que me olhava, e eu aguardava suas palavras. Minha atenção era desviada a cada palavra que a garota lançava para sua boca, depois para seus olhos, até conseguia ver seu corpo inteiro, a garota estranhamente me atraia, seu jeito meigo e doce, mesmo que não acreditasse que fosse sempre assim, me chamava a atenção, instigava.

● ● ●

Don't act like you forgot
It is INCREDIBLE AS SPREADING POISON, NOT EVEN? YOU SHOULD TAKE MORE CARE OF TIME NEXT. THAT THE GAMES begin, MY GIFT TO YOU IS THIS HAPPY DAY TOMORROW MY TRUE WORK BEGINS. ALL THAT LOVES YOU WILL PLUCKED, OR THAT IS THE LAST THING I DO. FEEL THE SMELL OF YOUR FEAR AWAY, AND ONLY THAT Attica EVEN MORE MY WILL FEEL THE TASTE YOUR BLOOD
avatar
Liam Owen McKnight
Prisoner
Prisoner

Mensagens : 5
Data de inscrição : 23/07/2015
Idade : 21
Localização : Erro 404

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Bitch Better Have My Money 8)

Mensagem por Francesca P. Heather em Sab Ago 01, 2015 1:06 am

But I got a blank space, baby...

O rapaz era bonito, tinha um charme especial, eu reparei nisso, mas é claro, sou uma adolescente e é como dizem “hormônios a flor da pele”, não é todo dia que alguém vem conversar com você e principalmente no lugar onde você se encontra, onde você agora reside, é claro que ser hospitaleira e gentil seria uma boa opção.

Eu confiei no rapaz, sendo um dos meus piores defeitos o confiar demais, mas dessa vez eu realmente sentia que ele não estava ali para me fazer mal e que ele assim como eu era mais um que não estava gostando da realidade, mas tentava se adaptar.

Foi curioso a forma como ele começou a mostrar seu dom, eu abri um sorriso tendo um brilho de curiosidade no olhar comentando: Ora, eu quero ver todos os detalhes. Qual a graça de fechar os olhos? – Com uma certa ansiedade eu me encontrava, inquieta com os pés ao bater eles no chão, até que eu pude sentir.

A brisa me fez fechar os olhos por impulso, sentindo  meu rosto de quentinho ficar bem gelado, com cuidado eu abri os olhos o encarando, não demorando a sorrir e finalmente elogiar com aplausos: Caramba! Aposto que você consegue voar o quanto quiser, a sensação de liberdade deve ser incrível!!! – ao me aproximar pensava em como eles poderiam manter pessoas com dons incríveis ali, se sentir pena, remorso, dó. Pessoas culpadas de crimes mereciam estar ali, não inocentes e talvez, na minha mente pelo menos, Liam era inocente de seja lá o que o acusavam.

Quando foi minha ver de mostrar o meu dom eu pensei um pouco, até que com calma segurei o braço do rapaz e o estiquei com calma, olhando em seus olhos ao falar:

- Meu dom não é tão extraordinário como o seu, mas para que eu demonstre você vai sentir uma leve queimação... – Expliquei a ele mostrando minhas unhas, que por sinal eram longas e pontudas, eu as adorava assim: Ok? – não esperei pela a resposta e sorri tentando passar confiança, cravando com força as unhas no braço do meu novo colega, puxando com força as “garrinhas” para mim, deixando a pele dele avermelhada com os cinco arranhados perfeitos, um machucado perfeito:

- Se acalme, por favor... Não tenho venenos. – procurei tranquilizar mais com certo receio de levar um soco, encarando seus olhos ao pedir: Observe... – por fim olhei a ferida e com delicadeza a ponta de meus dedos as acariciava, trazendo alivio, conforto e a cura, deixando o braço do rapaz novinho em folha: Eu tenho o dom da cura. É bem útil, mas por hora posso curar arranhões e joelhos ralados. Apenas.
...And I'll write your name!

● ● ●

Patience's my enemy,loving's my friend. It's harder to leave with my heart on my sleeve Than to stay and just pretend


Oh, she knows me like I know myself
avatar
Francesca P. Heather
Pacific
Pacific

Mensagens : 23
Data de inscrição : 26/06/2015
Idade : 19
Localização : Nos seus sonhos

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] Bitch Better Have My Money 8)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum