[RP] GHOST TOWN

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP] GHOST TOWN

Mensagem por Drake Marshall em Qui Jul 30, 2015 6:27 pm


Drake & Sebastian


Este RP em andamento é entre, somente, Drake Marshall e Sebastian H. Kaufmann.
Local: Piscina;
Conteúdo: Livre;
Sábado de manhã com um clima frio.


Última edição por Drake Marshall em Sex Jul 31, 2015 3:33 pm, editado 1 vez(es)

● ● ●

avatar
Drake Marshall
Prisoner
Prisoner

Mensagens : 35
Data de inscrição : 27/06/2015
Localização : Obvlion.

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
90/100  (90/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] GHOST TOWN

Mensagem por Drake Marshall em Qui Jul 30, 2015 6:51 pm


Blow a Kiss
Fire a Gun
With: Alone; Humour: Sad; Location: Pool; #Drake Marshall.
Era engraçado como alguém tão alegre como eu, do nada, deprimia ao ponto de se isolar numa piscina que nem água tem. Pois é, ali estava eu sentado na margem da piscina olhando para o seu interior. Achava curioso que se assemelhava bem à caixinha de respostas que eu possuía: ambas estão vazias. Eu ainda não sabia ao certo porque estava naquela prisão. Todos tinham nojo de mim porque eu matei pessoas ou porque estive com os traficantes durante o período de aulas, mas nunca ninguém me perguntou se isso realmente aconteceu. Eu não lembrava de ter feito nada daquilo. De facto, a ideia de fazer alguma coisa dessas dava-me nojo. Eu era uma pessoa calma e afável, era impossível eu provocar tais tumultos.

Já estava nesta prisão há um bom tempo. Ainda não conhecia muitas pessoas, apenas o doce Luke que, de facto, sinto até algumas saudades. Da última vez que o vi tive que me retirar por causa de uma dor de cabeça e... Não me lembro de mais. Foi estranho, só me lembro de acordar com o braço um pouco dorido. Peculiar, eu sei, mas acontece tantas coisas estranhas na minha vida que isso foi apenas mais uma delas. Pelo menos sabia que estava livre de qualquer mal enquanto eu estivesse refugiado dentro da minha mente.

Suspirei fundo ao me deitar com uma certa rapidez sobre o chão frio e esticar os braços, cada um para o seu lado. Olhava para o teto, entediado, e balançava as pernas que batiam nas laterais da piscina, pensando nas memórias que eu tinha fora da prisão. Desejava que fossem boas, que eu pudesse ter agradado aqueles que me rodearam. Pensamentos assim apenas me deprimiam mais, mas eu abraçava-os sem hesitar. Começava a cantarolar ao fechar os meus olhos e relaxar totalmente. A minha voz saía um pouco mais alta por causa do eco que aquele pavilhão tinha. - I just wanna look good for you, good for you, uh-uh... - A música havia aparecido na minha mente rapidamente com os pensamentos que me banhavam, deixando cair uma lágrima por cada olho. No entanto, eu ainda sorria. Sim, eu tinha problemas, mas fazer o que. Continuava a cantar confiante por ninguém estar ali, felizmente... Ou infelizmente? Erm, enfim?

[OFF: Me deixa, eu não sou bom em começar RP mesmo. ç.ç E to com preguiça.]

● ● ●

avatar
Drake Marshall
Prisoner
Prisoner

Mensagens : 35
Data de inscrição : 27/06/2015
Localização : Obvlion.

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
90/100  (90/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] GHOST TOWN

Mensagem por Sebastian H. Kaufmann em Sex Jul 31, 2015 1:30 pm

Funebribus
000
words.
With
the
peoples.
Wearing this.

Aquela prisão estava me matando aos poucos eu conseguia sentir isso. Me isolar daquilo que eu mais amava, não ter contato me feria de verdade. Não me importaria de ficar trancafiado naquelas celas se não fosse por isso, pois ali conheci pessoas realmente boas, mas também aqueles que estavam ali por merecimento. "E você? Não está?" Sempre ela. Uma voz na minha cabeça que me fazia pensar em coisas já perdidas em meu passados. O que fiz para parar ali tinha sido um acidente, não colocaria a liberdade que possuía para viver trancafiado naquele lugar. Estava dentro da minha cela naquele dia, fitando o teto como se não houvesse o amanha. Havia um bom tempo que não saia dali a não ser para fazer minhas tarefas, minha cabeça nesses últimos tempo se focara somente no meio de sair daquela prisão, mas tudo que eu pensava outros já tiveram a chance de tentar e falharam. Por que eu seria diferente? Tinha que ser algo além. Além de suas expectativas.

- Vamos levantar! - Indaguei me levantando da cama no chão em um sobressalto vestindo a camisa que estava pendurada na janela. Olhei par ao lado procurando meu companheiro de cela mas ali ele já não estava. Nunca cheguei a "vê-lo" para inicio de conversa, sempre quando ele chegava á cela me encontrava dormindo ou ocupado demais em meus pensamentos para dar ao luxo de vislumbrar seu rosto. Balancei a cabeça negativamente levando a mão até a porta da cela saindo por esta.

O corredor da prisão estava como nos outros dias, pessoas escordas nas paredes conversando uma com as outras, rebeldes de um lado tramando seus planos sobre os olhos atentos dos sentrys e os encrenqueiros dos outros procurando atormentar os novatos que chegavam aos montes. Passei pelo corredor com as mãos no bolso ignorando por completo qualquer um daquele grupos que se formou, não queria socializar, pelo menos não com esses grupos já formados. Deixei com que o corredor me levasse á algum lugar, só queria sair um pouco do tumulto, queria paz. Se é que isso era possível ali.

Deparei com um local inusitado, um lugar amplo com um enorme espaço no meio que pelo meu ver deveria ter água, ela era apenas um enorme espaço. Várias boias rasgadas jaziam pelo chão do local, além daquelas que estão furadas. Nas laterais enormes escadarias, também denominada como arquibancada. Porém não fora todo aquele lugar vazio que me chamara a atenção, em meio aquilo tudo havia uma pessoa ali, um jovem deitado sobre o chão com os braços estendidos. Me preocupei de imediato, acontecera algo? Senti meu corpo ir em sua direção mas a medida com que me aproximava uma voz entrava pelos meus ouvidos. O garoto estava cantando. O lugar fizera um bom trabalho, expandindo suas cordas vocais por todo o lado.

- Sério isso? Um cantos mas sem ninguém para aplaudir? - Brinquei quando já estava ao lado dele em pé. - Espero não estar atrapalhando, mas vi essa cena de longe, está dramática e solitária demais para o meu gosto. - Sorri.  
Baby, listen please. I'm not on drugs, I'm not on drugs. I'm just in love. Baby, don't you see?

● ● ●


LEAVE YOUR SOULS TO THE NATURE


"Not today, for death!"
avatar
Sebastian H. Kaufmann
Rebel
Rebel

Mensagens : 3
Data de inscrição : 25/07/2015

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
0/0  (0/0)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] GHOST TOWN

Mensagem por Drake Marshall em Sex Jul 31, 2015 6:57 pm


Blow a Kiss
Fire a Gun
With: Sebastian H. Kaufmann; Humour: Interested; Location: Pool; #Drake Marshall.
Talvez por estar naquele local tão relaxante eu já estava com sono. Não me importava em adormecer ali, mesmo que numa prisão não era a melhor ideia. Sentia-me leve, já me entregando totalmente ao sono, quando uma voz masculina e desconhecida por mim se fez ouvir. - Sério isso? Um cantor mas sem ninguém para aplaudir? - Dizia a pessoa que, ao abrir os olhos, pude observar do meu lado. Num reflexo me sentei, pois estar deitado era uma posição muito vulnerável caso aquele alguém pretendesse fazer algo de ruim. No entanto, a minha vida podia até estar em risco, mas não conseguia deixar de corar e ficar envergonhado pois aquele estranho me teria ouvido cantar. Abri a boca para falar mas as palavras não saiam, então ele prosseguiu. - Espero não estar atrapalhando, mas vi essa cena de longe, está dramática e solitária demais para o meu gosto. - Ele sorria enquanto proferia tais palavras. Nem me apercebi que eu estava a ser dramático ao ponto de fazer os outros sentirem pena, mas pelo menos alegrou-me saber que alguém estaria preocupado, ou pelo menos incomodado. - Ah, não, não se preocupe... - Finalmente conseguia falar enquanto olhava para o chão, ainda corado de vergonha. Sacudi a cabeça negativamente e tentei afastar este sentimento bobo. Levantei-me para ficar frente a frente com ele, conseguindo agora olhar em seus olhos, sentindo-me um pouco intimidado. - Eu não sou um cantor, - Comecei, sabendo que talvez ele estivesse apenas brincando, por tanto proclamava com um tom mais brincalhão. - mas num local como este, a sua voz é a única coisa que ainda permanece com você e não o julga. - Sorri, tornando o que era apenas uma piada em algo mais sério.

Desculpe... Ignore isso. -
Ri nervosamente e logo estiquei a minha mão direita na sua direção, pedindo um aperto para o cumprimentar mais formalmente. - Drake Marshall, prazer... - Dizia calma e cordialmente enquanto ainda o olhava sorrindo, começando agora a ficar menos corado do susto que havia tomado. Tinha mais tempo agora para olhar com olhos de ver para aquele garoto. Percebia então que era a primeira vez que via aquele jovem de cabelos e olhos castanhos, o que significava que um de nós não andava por aí a socializar o suficiente. Tentava, no entanto, não ficar bem na cara que eu o estava analisando.

● ● ●

avatar
Drake Marshall
Prisoner
Prisoner

Mensagens : 35
Data de inscrição : 27/06/2015
Localização : Obvlion.

Ficha do prisioneiro
Nível: 1
Experiência:
90/100  (90/100)
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP] GHOST TOWN

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum